MP investiga suposto dano ao patrimônio histórico em praça de Rio Branco

  • 15/05/2024
(Foto: Reprodução)
Ministério Público do Acre pede que obras da prefeitura da capital sejam paralisadas em até 72h até que a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana envie cópia do projeto. Dano ao patrimônio histórico na Praça da Revolução em Rio Branco é investigado pelo MP-AC João Cardoso/Rede Amazônica O Ministério Público do Acre (MP-AC) investiga uma denúncia de possível dano ao patrimônio histórico e cultural, em razão de obras executadas pela Prefeitura de Rio Branco na Praça da Revolução, no Centro da cidade. A investigação será feita por meio da Promotoria de Justiça Especializada de Habitação e Urbanismo e Defesa do Patrimônio Histórico e Cultural, a partir da última terça-feira (14). O MP pede ainda que as obras sejam paralisadas em até 72h, até que a situação seja esclarecida. Segundo a declaração, as obras comprometerão as características históricas e culturais do local, inclusive com a retirada da estátua de Plácido de Castro, líder da Revolução Acreana, movimento que anexou o Acre ao Brasil. O promotor de Justiça, Luis Henrique Rolim, solicitou que a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana (Seinfra), no prazo de cinco dias, encaminhe cópia do projeto das obras e informe se elementos históricos e culturais serão descaracterizados. À Rede Amazônica Acre, a Secretaria de Comunicação da prefeitura da capital disse que ainda não foram notificados pelo MP sobre as possíveis irregularidades. O g1 entrou em contato com a Seinfra e aguarda retorno. Obra na Praça da Revolução em Rio Branco é investigada pelo Ministério Público Rede Amazônica/Jo0ão Cardoso VÍDEOS: g1

FONTE: https://g1.globo.com/ac/acre/noticia/2024/05/15/mp-investiga-suposto-dano-ao-patrimonio-historico-em-praca-de-rio-branco.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

No momento todos os nossos apresentadores estão offline, tente novamente mais tarde, obrigado!

Anunciantes